Será que não estamos Vacinando Demais?

1618635_540084369438453_1822732902_n
“Vacinar é importante. Educar-se a respeito de vacinas também é.

Leiam, assistam, aprendam, descubram, esmiucem todos os links. Questionem. Se mantenham informados.

Existe muita gente faturando à custa da saúde dos nossos peludos. Vacinar é importante? Sim. (Essa não é a discussão aqui.) Mas a atual banalização da vacinação – todos os produtos disponíveis no mercado sendo aplicados anualmente em todos os pets, independentemente de seu histórico de saúde e do seu estilo de vida – é uma conduta antiética que comprovadamente pode causar mais prejuízos do que benefícios ao organismo.

Esse tipo de informação só chega no seu veterinário clínico-geral se ele tiver a curiosidade e a disposição de pesquisá-la. Não chega a congressos e simpósios patrocinados por grandes companhias farmacêuticas. É escassamente estudado por acadêmicos brasileiros e raríssimos artigos científicos a respeito ganham publicação nos periódicos em língua portuguesa mais lidos pelos nossos clínicos.
Os fabricantes, atentos ao questionamento do público “leigo” que busca esclarecimentos, muda aqui e ali suas táticas – via de regra de acordo com seus próprios interesses. O “grosso” das descobertas científicas, aquilo que ameaça colocar em risco a credibilidade e a (astronômica) margem de lucro dos gigantes é convenientemente ignorado e envolto em mitos e terrorismos.

Mas os dados estão aí. Leiam, assistam, aprendam, descubram, esmiucem todos os links. Questionem. Se mantenham informados. Sejam vocês os advogados de seus filhos de patas”.

Dra Sylvia Angelico